ASSISTA AGORA

  • Dublado BK
  • Dublado WZ
  • Dublado GD
  • Legendado 2B

Assistir Agora Assistir Agora

Assistir Agora Assistir Agora

Assistir Agora Assistir Agora

Todo o Silêncio

Todo o Silêncio

Jun. 15, 2024Mexico78 Min.
Sua avaliação: 0
5 0 voto

Sinopse

De manhã, Miriam leciona língua de sinais. À tarde, participa da montagem de um grupo teatral profissional. Tudo isso enquanto mantém uma relação estável e apaixonada com sua namorada, Lola. Apesar de Miriam levar uma vida bastante similar à de uma pessoa surda, seu mundo começa a desmoronar quando descobre que está realmente perdendo o sentido da audição.

Reviews e Crítica sobre Todo o Silêncio

Miriam (Adriana Llabres) é a chamada CODA, ou seja, Criança de Adultos Surdos, termo conhecido do grande público principalmente graças ao vencedor do Oscar dirigido por Sian Heder em 2022; Por isso, ela trabalha como professora de língua de sinais e, depois do expediente, se prepara em um teatro local para o papel de Nina na peça de Anton Chekhov, A Gaivota , encenada ali . Em casa, sua parceira surda Lola (Ludwika Paleta) a espera. A menina esconde de seus colegas e parentes sua perda auditiva progressiva e o prognóstico de perda total. No entanto, a fisiologia é impiedosa, ataca cada vez com mais frequência e de forma mais severa, causando frustração, uma sensação de isolamento e, em última análise, privando-nos da capacidade de continuar a funcionar no mundo dos sons.

O estreante mexicano se move conceitualmente em algum lugar entre Children of a Lesser God (1986) de Randy Haines e Sound of Metal (2019) de Darius Marder. Assim como Ruben (Riz Ahmed), herói deste último, Miriam deve enfrentar uma mudança completa de vida. Embora teoricamente o mundo ao seu redor estivesse em grande parte repleto de silêncio, na prática, a perda auditiva significa uma perda do status quo. Até agora, Miriam tinha uma parte da realidade inacessível aos outros: o papel de tradutora, ponte entre ouvintes e surdos. Del Rio analisa o processo de aceitação das limitações emergentes, também através do prisma de como elas afetam a dinâmica do relacionamento da heroína. A relação das mulheres é interessante porque ambas negam suas deficiências e poluem sua realidade de diversas maneiras. Lola, ensinada pelos pais a falar desde cedo para se integrar ao resto do mundo, não quer ser vista como uma pessoa surda, por isso se recusa a aprender a linguagem de sinais. Nisso ela se assemelha a Sara, a rebelde (Marlee Matlin) de Children of a Lesser God , trancando-se em seu próprio mundo ao qual ninguém mais tem acesso. Para Miriam, a única forma de falar com o companheiro era ouvindo. A nova situação levanta questões sobre a forma futura desta comunicação e, portanto, de toda a relação, especialmente face às divisões já emergentes entre os amigos de trabalho de Miriam, incluindo o seu novo amigo Manuel (Moisés Melchor), e os amigos ouvintes de Lola. .

A questão de saber se um compromisso é possível é deixada sem resposta pelo criador. Tal como o já citado Marder, mas também Darren Aronofsky em The Wrestler (2008) ou Chloé Zhao em The Rider (2017), ele olha para a fase inicial de lidar com problemas de saúde permanentes, deixando o sucesso ou fracasso das ações tomadas fora do quadro. O mais importante para ele é a luta do homem consigo mesmo – aqui e agora. Ao mesmo tempo, acrescenta uma nova qualidade ao tema aparentemente explorado da perda de funcionalidade total no cinema, olhando tanto para a natureza simbiótica como para as diferenças de toda a comunidade de pessoas surdas, dependendo do grau de disfunção. Acima de tudo, torna o seu mundo compreensível para uma pessoa que ouve. Isso é em grande parte auxiliado pela edição de som, semelhante à de Sound of Metal : guinchos, chocalhos, silêncio intercalados com vibrações distorcidas incomodam tanto o espectador quanto a heroína, tornando sua situação extremamente palpável. A fotografia de Octavio Arauz encanta pela plasticidade da composição e pela eloquência que intensifica o sentimento de alienação, como no caso do reflexo da heroína observando-se em vários momentos dessa estranha jornada interna, que retorna ao longo de toda a sessão. e é justificado no terceiro ato e é justificado no terceiro ato. Porém, a força do trabalho é determinada pela sinceridade das emoções, contrabandeadas pela excelente atuação de Adriana Llabres. Portanto, não há mais nada a fazer senão ficar atento ao próximo trabalho de del Rio, que tem um talento narrativo natural e o desenvolve acertadamente do palco ao cinema.

Assistir Todo o Silêncio Online

Encontre seu próximo filme para assistir online e veja em quais plataformas ele está disponível. Entendemos a sua dificuldade em encontrar um filme dublado ou legendado online entre as mais diversas plataformas de streaming como Netflix, YouTube, Amazon Prime Video, NOW, Apple TV e muito mais.

Nossa missão no www.ASSISTIRFILMESHDGRATIS.COM é ajudá-lo a encontrar os melhores filmes em Alta Definição (HD) para assistir online, no conforto da sua casa e em qualquer serviço de streaming de sua preferência. Existem vários lançamentos e filmes antigos de gêneros como drama, terror, ação, comédia, suspense e muito mais. Continue navegando para descobrir onde você pode assistir ao filme Todo o Silêncio online hoje.

Título Original Todo el silencio Legendado
IMDb Avaliação 7.3 53 votos
TMDb Avaliação 6.0
Compartilhado0

Títulos Recomendados

Sorte de Quem?
A Grande Invasão do Balão Bomba
Afeganistão: A Retirada
Rei dos Ladrões
A Verdadeira História de Ned Kelly
Um Fim de Semana com Holly – Holly Slept Over
Snatch: Porcos e Diamantes
A Mula
Os Rejeitados
A Gêmea do Mal
Boogeyman: Seu Medo é Real
Explorando o Desconhecido: A Máquina do Tempo Cósmica